9 de novembro de 2015

Directamente do fundo do baú para o Mundo!

Sou uma sortuda e tenho um pai muito fixe. 
Este grande senhor de ética e valores tem por norma guardar os meus sapatos que eu pretendo deitar fora mas que ele acha que eu um dia vou acabar por precisar. How cute is that?!
Então, durante o fim de semana fui ao baú. Precisava de uns ténis velhos para ir à horta porque as minhas galochas deram o berro. Vi um saquinho velhote e pensei "Vão ser mesmo vocês!" sem saber o que lá estava. Mas não fui capaz! Dentro do saco estava isto.


Comprei estas sapatilhas na altura em que os básicos da Vans estavam super in
Terão oportunidade de ir percebendo que se alguma coisa está em voga eu vou um pouco mais além (se gostar). Foi o caso destes ténis. Com estampa, com tiras em velcro. Comprados em 2008, possivelmente.

Estão em mau estado. O preto já não é assim tão preto e os tubarões com um sorriso malvado estão apagadotes. A barbatana na sola sofreu danos bem como o logo da marca no calcanhar. As listas azuis já viram melhores dias.

Mas voltei a apaixonar-me por eles! Não são tendência? É daí?! Fazem-me falta e não é para ir à horta! O seu ar de teenager, de desleixada tem tudo para dar certo com algumas camisolas e sweaters que por aqui vagueiam.
São super práticos para calçar em 2 segundos e ir deitar o lixo fora.
A sola branca continua muito branca e é isso que faz a diferença para mim! 
Adorava poder comprar uns Stan Smith mas não acredito que isso vá acontecer. Talvez me contente com uns inspirados nesses Adidas fantásticos... A verdade é que só ando a apostar em botas, botins e calçado mais direccionado para o trabalho. Não pode ser.

E é isto! Desafio-vos a dar a volta às coisinhas que andam a ficar encostadas a um canto! Vão ver que se vão voltar a apaixonar! É certinho!
É possível que estes velhotes apareçam por aqui de vez em quando e os anónimos podem perguntar se os encontrei no lixo que eu não me importo! ahahah

Um beijo,
MariaDniela

4 comentários:

  1. Também tenho andado a apostar em peças mais formais e a verdade é que não se pode ter tudo e há coisas que vão esperando e às vezes acabam por nunca chegar!
    Também usei umas sapatilhas assim, provavelmente perto de 2008, brancas e com bolinhas, adorava!
    Estão guardadas, apesar de não as usar mas há coisas que não consigo mesmo deitar fora nem dar, não por enquanto!

    ResponderEliminar
  2. Às vezes acontece-me lembrar-me de uma peça que não uso há tempos, depois lembro-me que já a dei a alguém e fico numa infelicidade enorme :P

    Perdida em Combate | GIVEAWAY

    ResponderEliminar
  3. E lá diz o ditado: quem guarda o que não presta, tem o que lhe faz falta.

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  4. Às vezes acontece-me o mesmo. Encontro coisas que nunca mais usei e vejo nelas um brilho diferente ;)

    ResponderEliminar