18 de fevereiro de 2016

10 coisas que uma blogger nunca dirá!

Sabemos que existem bloggers que partilham mais das suas vidas do que outras. No entanto, há coisas que nenhuma diz publicamente. 
Na minha investigação profunda em 15 países e mais de 582 bloggers, cheguei às seguintes frases que nunca nenhuma seria capaz de proferir.
Ora atentem.

- Os comentários maldosos por vezes dão-me cabo do humor... 
É, às vezes há comentários tão desnecessários e tão carregados de maldade que são mesmo capazes de nos roubar a boa energia. Ou porque tocam num assunto que nos afecta ou simplesmente porque estamos um pouco mais sensíveis. Há coisas que são tão duras de ouvir ou ler que influenciam o nosso mundo "real" bem mais do que deviam. Normalmente provêm de anónimos e trazem toda aquela azia de quem meteu demasiada mostarda no seu ovo estrelado em azeite.


- Já fui a sítios ou comprei coisas essencialmente para mostrar no blog.
Ou porque queremos fazer um post com um conteúdo diferente, ou alguém nos pediu para falar de determinado sítio/produto ou porque simplesmente dará boas fotografias. Já todas caíram na tentação de publicar algo que sabiam que ia trazer mais comentários ou mais visualizações. Às vezes sai-se um bocadinho na linha condutora do blog para experimentar novos temas e nem sempre corre mal.


- Eu não tenho esta autoconfiança toda.
Sorrimos nas fotos, fazemos poses e evidenciamos aquilo que mais gostamos no nosso corpo. Quem vê pode achar que a confiança e a autoestima estão bem lá em cima e é para manter. Mas nem sempre é assim. Todas temos inseguranças e algumas raparigas são mais tímidas que outras. Penso que nunca nos achamos perfeitas e se ocupamos o nosso tempo a criar conteúdo com fotos nossas e afins é para tentar dar o exemplo, para dar dicas, para ajudar naquilo que pudermos.



- Adorava que o blog me pagasse a renda de casa.
O propósito nunca é viver do blog (ou pelo menos assim o espero) mas a verdade é que, dado o tempo que passamos em frente ao pc a cortar, endireitar, pesquisar, escrever, se isto fosse pago à hora já devia dar para umas comprinhas porreiras ao final do mês. Cada blogger investe naquilo que gosta (maquilhagem, roupa, livros, filmes, ...) na medida em que o seu budget estica ou não, então um incentivo seria sempre bem vindo, embora ninguém o queira admitir.


- Sim, estes sapatos magoam pra caraças! Só os uso porque me sinto uma brasa com eles... e ficam bem nas fotografias.
 Este ponto eu não partilho mas reparo que é típico da maioria. A roupa das bloggers nunca amarrota, nunca ganha borboto, numa perde a cor, nunca alarga, os saltos de 12 cm sem plataforma são confortáveis como uma nuvem. Bullshit. Não há problema em admitir que se fez uma fraca compra, que se passa a lâmina de barbear na camisola antes de sair de casa, que o cinto não é só porque fica giro mas porque as calças de 100€ alargaram passadas 5 lavagens. Acontece a todas e não é preciso fingir que toda a nossa roupa é perfeita. Só nos faz parecer mais artificiais.


- Às vezes apetece-me desistir do blog.  
Quando o reconhecimento tarda ou nunca chega, quando se fica sem ideias ou quando as críticas destrutivas são mais densas que as construtivas. Às vezes apetece aproveitar o tempo que se ocupa no blog para hibernar, para se ler um livro, para ir ao ginásio (LOL, a parte do "ginásio" é a brincar!) até que de repente estamos a lavar os dentes e temos uma nova ideia para um post e temos de ir anotar logo, deixando um rasto simpático de espuma do wc até ao quarto. Quem nunca passou por isto que atire o primeiro mouse.


- Espero que se perceba todo o trabalho que está por detrás deste post... 
Bem difícil perceber. A criação do texto necessita de concentração, a pesquisa de imagens pode demorar muito, fotografar precisa de boa luz natural. Um post pequeno pode ter por detrás algumas horas de trabalho (quando se mete vídeos a sua edição ao barulho então... ui) e nem sempre é perceptível a dedicação que criou aquelas 10 linhas de palavras e aquelas 5 fotos de roupa banal. Custa um bocadinho mas vai tudo no hábito...




- Não entendo como é que aquela ranhosa tem leitores!
Como em tudo na vida, no mundo egocêntrico dos blogs também há competição. Muitas vezes mais fomentado pelos leitores do que pelos próprios autores, já toda a gente apreciou indirectas ou comentários depreciativos bem disfarçados sobre outros bloggers. É uma disputa parva, é verdade, porque  há leitores para toda a gente e vai haver seeeeempre alguém que se identifique connosco! Só não vale a pena é levar demasiado a sério quando as vossas mães dizem que vocês são especiais e ninguém se compara convosco!


-  Já fiz posts só para despachar/para não quebrar o ritmo/porque há algum tempo não publicava.
Vê-se muito quando as youtubers se desafiam a fazer um "video every day...". Também há quem siga o propósito na blogosfera e acabe por criar posts sem informação, sem interesse apenas para "cumprir" um objectivo pessoal. Pode ainda acontecer ter uma semana agitada e criar um post mais superficial na ideia de que "é melhor que nada" e para os leitores não pensarem que a autora faleceu. Acho que é muito comum mesmo que nunca se vá admitir.


- Patrocínios das minhas marcas preferidas?! Preciso para ontem!! 
Ahhh outro cliché que eu adoro. "Sou muito fiel a mim mesma e não quero tornar o meu blog numa página de publicidade." Ok, compreendo e partilho. Mas se vier daí a Salsa, a Zara, a Mango, a Massimo Dutti a querer entrelaçar os dedos comigo neste passeio pela praia é óbvio que eu aceito e até solto uma lagriminha! Ter o apoio das nossas marcas favoritas deve ser fantástico e deve mudar muita coisa. Se o foco se mantém nos leitores, a motivação deve sofrer um upgrade bem porreiro!


Pronto e é isto. Devo ganhar algum prémio literário com este post. As nomeações não devem tardar a chegar... Estou a sentir.
Espero que apreciem este estudo que levei a cabo tão intensa e seriamente.
Saudações.

MariaDaniela

Imagens Pinterest.

7 comentários:

  1. Parabéns pelo post, pela tua sinceridade e por seres tão genuína! Continua assim que é sempre um prazer ler-te!
    Pat

    ResponderEliminar
  2. A-D-O-R-E-I este post, a minha Maria Papoila nunca falha! =))

    Ora, sendo o meu blog conhecido além fronteiras, quiçá Portugal, de certeza que sou uma dessas 582 bloggers da tua investigação, por issssssso, bora lá:

    1 - Os comentários maldosos por vezes dão-me cabo do humor...

    Como se costuma dizer "quem não sente, não é filho de boa gente" e por mais que sejamos super boa-onda, também temos os dias "não", os dias que estamos virados do avesso e tudo nos irrita.

    2- Já fui a sítios ou comprei coisas essencialmente para mostrar no blog.

    Bem, só se for mesmo quem ande a nadar em dinheiro, porque de resto custa a crer.

    3- Eu não tenho esta autoconfiança toda.

    Dado o lado negro da blogosfera (que dispensa apresentações), é mesmo precisa muita confiança em nós próprias para saber ignorar o que é de ignorar e não levar a peito e ficar a remoer tipo ratazanas deprimidas. Caso contrário, o que deveria ser um passatempo, algo bom para distrair e divertir, acaba por ter efeitos negativos na pessoa em si (a nível psicológico, por exemplo).

    4- Adorava que o blog me pagasse a renda de casa.

    Quem não gostava? Ganhar dinheiro pelo prazer do que se faz! Perfeito! =)) Só acho que este aspecto, por vezes, sobe demasiado à cabeça das pessoas!

    5- Sim, estes sapatos magoam pra caraças! Só os uso porque me sinto uma brasa com eles... e ficam bem nas fotografias.

    Detesto andar desconfortável, logo, custa-me a crer que há quem se torture só por causa de umas fotos (CREDO)! Quanto às más compras, é perfeitamente normal, acho que pelo menos uma vez na vida tem de acontecer a toda a gente.

    6- Às vezes apetece-me desistir do blog.

    Associo esta à nº 4. Quando se faz por gosto, só porque sim e não porque estamos à espera dos mais variados lucros que podemos ter, acho que nunca pensamos em desistir. E quando gostamos levamos as coisas naturalmente e não vemos isto como uma obrigação, pelo que se houver post para o dia há, se não houver ninguém morre.

    7- Espero que se perceba todo o trabalho que está por detrás deste post.

    Um post dá sempre trabalho por mais pequeno que seja. O tempo, hoje em dia, é precioso e se dispensamos um pouco dele naquilo que fazemos, há que dá valor.

    8- Não entendo como é que aquela ranhosa tem leitores!

    Já pensei isso de duas ou três bloggers famosas e que realmente têm imensos seguidores, apenas pelo simples facto de não haver grande conteúdo no blog. Miiiiiil passatempos, umas fotitas do look (sendo as fotos com pouca qualidade até), umas peças de desejo pessoal e pouco mais! Faz pensar! Mas alguns desses blogs recorrem a agências pelo que explica um pouco. E os passatempos também são um chamariz!

    9- Já fiz posts só para despachar/para não quebrar o ritmo/porque há algum tempo não publicava.

    Quando um blog limita-se a um determinado tema, acredito que seja difícil manter sempre activo e ter sempre ideias para posts! Nota-se no caso de blogs de maquilhagem, por exemplo. Por isso é que é óptimo ter um blog pessoal, há sempre algo para dizer! =))

    10- Patrocínios das minhas marcas preferidas?! Preciso para ontem!!

    Esta também vai ao encontro de duas ali mais acima. Parcerias é sempre bom já que é sinal de reconhecimento de trabalho. E pegando num dos exemplos que dás (que me toca particularmente no coração :D), a SALSA, se me assobiassem nem pensava duas vezes e o que é certo é que mantinha-me fiel a mim própria! :D :D Acho que só faz sentido assim. Publicidade e parcerias só porque sim acaba por tirar a essência do blog e daquilo que sempre partilhámos. Já tive muitos contactos e se alinhei em dois ou três foi muito. Não me interessa associar o meu nome a coisas que não me digam nada, só para verem que sou suuuuuuper requisitada! Mas ter o apoio daquilo que nós realmente gostamos é mesmo fantástico, porque ao mais de resto... Acho que para tudo deve haver um equilíbrio! =)

    E prooooonto, acho que entrei para o teu top de comentários mais longos! Eheheheh! Mas é que gostei mesmo deste post e acho que devia ser lido pela blogosfera TODA!

    Beijinhoooo grande *

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ahahah Adorei o comentário! É certo que haverá sempre alguns pontos em que podemos não nos identificar... Outros podem parecer repetitivos mas tentei abordar o tema de outra forma, não sei. Demorei 3 dias a escrever esta m*rda mas quis mesmo fazê-lo! Não é uma crítica, aliás, o texto não tem nem 1% do humor com que pensei nisto.
      Por exemplo, no ponto em que falo de ir a sítios ou comprar coisas por causa do blog. Não é no sentido depreciativo. Mas já calhou precisar de sair de casa senão a cabeça rebenta e pensar "Porque não ir à praia e mostrar umas fotos no blog?". Também me têm pedido para dar umas dicas de indumentária para quem não veste o 34. É a tal cena, desde que não saia do meu "domínio", eu não me importo de fazer "pelo/para o blog".
      Agora se me virem perguntar se devem tirar férias e ir para Freixo de Espada à Cinta ou para Castro Verde... Esquece lá isso! ahah Não sei se fui clara. Eu disperso demais!!! :P
      Obrigada pelo comentário, gata mai linda!
      Um beijoooo!

      Eliminar
  3. Tu escreves bem "para caraças" sabes? Acho um piadão ler-te. Identifico-me muito com o teu tipo de humor, deve ser por isso :P
    Gostei principalmente da parte de ter uma ideia no banho e deixar um rasto de espuma até ao quarto. Nunca me aconteceu (é mau sinal? ahahah) mas nunca digo nunca!:P
    Beijinho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E eu adoro que entendas o meu humor! Porque o teu também me mata!! :P
      Tu não precisas de ter ideias e ir a correr apontar porque o registo do teu blog já é tão apelativo que mesmo que só tivesse outfits ia ser sempre um arraso!
      Gosto muito de escrever. Em miúda achei que podia viver só da escrita. Agora vivo do Excel que é quase a mesma coisa ahahah
      Ah e vais ver que um dia vais ter um momento "Ninguém fale comigo que eu tive uma ideia e tenho que ir apontar JÁ!" ahahah
      Beijinhos!!

      Eliminar
  4. Maria Daniela o que eu me diverti a ler este post. E acho que tens tanta razão! Não me revejo em todos os pontos, até pelo tipo de blog que tenho e conteúdos que publico mas consigo entender cada um dos pontos e revê-los (até aposto!) em vários blogs que sigo! Outros, eu própria nunca admitirei, nomeadamente os últimos três ;)

    nem mais nem menos | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É isso, não haverá ninguém que se identifique com todos os pontos, mas há aqui verdades para todos os gostos e feitios! :P
      Ou então isto é tudo mentira! ahah Nunca admitiremos :P
      Beijinho!

      Eliminar